Luzes em cabelo cacheado: 5 dicas para cachos hidratados

Publicado em
luzes em cabelo cacheado_hair fly

Sabe aquela vontade de mudar o visual? Com o verão 2019 chegando, você pode entrar na moda das morenas iluminadas. As luzes em cabelo cacheado prometem movimento e realce para seus cachinhos.

Você sabia que as luzes platinadas imitam o efeito de fios queimados pelo sol? Então essa pode ser  a melhor hora para iluminar os fios dos seus cachos. Esse efeito radiante das luzes em cabelos cacheados favorece a modelagem de maneira mais natural.  

Porém, é importante lembrar que junto com o procedimento químico de descoloração é preciso ficar atenta para os cuidados pós-química para manter fios cada dia mais lindos sem perder a cor e o volume.

Mas não se preocupe, você só precisa estar atenta aos cuidados para conquistar cachos lindos, definidos e iluminados. E para saber como manter a saúde dos seus cachos após as mechas, confira as 5 dicas abaixo que preparamos para você.

1) Todo cuidado é pouco para fazer luzes em cabelo cacheado

luzes em cabelo cacheado_hair fly_6

Você sabe o quão preciosos são seus cachinhos e por isso mesmo deve tomar todas as precauções necessárias para evitar que eles fiquem frágeis e quebradiços.

Um processo químico agressivo como a descoloração é capaz de alterar a estrutura dos fios. Em especial, os cabelos crespos sofrem mais com a química do que os cabelos lisos, devido a sua estrutura. Então, a dica é ficar de olho em como preparar os fios e evitar todo esse estrago.

O ideal é que você comece a fortalecer as madeixas 1 ou 2 meses antes do dia marcado para fazer suas luzes. Como uma espécie de preparação para seus cabelos receberem bem os processos químicos, use máscaras fortalecedoras com queratina e aminoácidos 1 vez por semana.

Aposte também nas hidratações com óleos naturais e nutritivos. Assim, você evita problemas no processo da sua transformação e ainda garante um resultado mais bonito! Outro produto perfeito para o pré e pós química é a cauterização específica para cachos e crespos, sem finalização com aquecimento (secador ou chapinha). Esse tratamento recupera a fibra capilar, repondo a queratina e evitando o ressecamento.

2) Recupere os formatos dos seus cachinhos

luzes em cabelo cacheado_hair fly_5

Em todo o processo, não se desespere se alguma coisa ocorrer diferente do esperado. Por mais tristinho que seja, é comum que a estrutura dos seus fios se altere com a descoloração e isso faz com que seus cachos desapareçam temporariamente.

O segredo para fazer eles voltarem é cuidar bem diretinho hidratando após o processo. Além do mais, você pode apostar em alguns produtos finalizadores, como leave-ins, cremes de pentear e modeladores para trazer o formato dos seus queridinhos de volta.

Os produtos são importantes também para ajudar a desembaraçar, já que os cabelos pós-descoloração ficam mais ásperos e tendem a se emaranhar com facilidade.

 

Cadastre-se eganhe 10% de descontoem sua primeira compra!

 

Para finalizar, se você já está acostumada com texturização sabe que pode contar também com as técnicas de dedoliss ou bigudinhos, por exemplo.

3) Evite o aquecimento dos fios

luzes em cabelo cacheado_hair fly_4

Se os cabelos quando virgens sofriam com a chapinha, imagine os descoloridos!

Como você viu, o cabelo pode ficar mais frágil depois de químicas e tinturas. Então, não é nada bom usar técnicas que aquecem e agridem os fios, como chapinha e escova com secador.

A aplicação de luzes nos cachos pode deixar eles mais secos e incluir procedimentos que aquecem os fios pode piorar ainda mais.

4) Use produtos adequados para manter a cor das suas mechas

luzes em cabelo cacheado_hair fly_3

Talvez você não saiba que a cor dos produtos que você usa pode influenciar no tom das luzes em cabelo cacheado. Por exemplo, um shampoo com cor amarela não deve ser usado se você não busca um aspecto amarelado oxigenado.

Então vale a pena ficar de olho na cor do produtos que você escolhe, shampoo, condicionador e cremes. Os brancos e perolados são indicados para todas as cores de cabelo, enquanto os verdes e amarelos devem ser evitados.

A dica mais valiosa para cuidar das luzes em cabelo cacheado é apostar em máscaras de hidratação matizadoras, assim você hidrata e mantém o tom que você deseja!

Quer dicas incríveis para manter seu cabelo pintado cada dia mais radiante e hidratado? Então baixe o guia completo de coloração e cuidados para cabelos pintados.

cta-ebook-coloração-hair fly

5) Inclua um cronograma capilar na sua vida

luzes em cabelo cacheado_hair fly_2

Você já ouviu falar em cronograma capilar? Seja em cabelos curtos ou longos com luzes, inclua essa responsabilidade na sua vida e conquiste cachos maravilhosos!

Todo cabelo colorido precisa de uma atenção especial porque precisa de um processo de hidratação. Além do mais, os fios com luzes devem seguir uma rotina de cuidados especiais com muita hidratação. E, com o cronograma fica fácil garantir isso!

Para montar o seu cronograma, comece separando 1 ou 2 dias na semana em que você pode tirar alguns minutos para se dedicar. Em seguida, monte uma tabela mensal. Por exemplo, você pode incluir hidratar seu cabelo cacheado 1 vez por semana, depois nutrir 1 vez a cada 15 dias e fazer reconstrução capilar 1 vez por mês.

O objetivo da hidratação é manter a água dos fios e evitar o ressecamento. Esse é o procedimento mais comum e necessário, então é legal apostar em uma linha de shampoo, condicionador e máscara com os ativos de Babosa, por exemplo.

Já a nutrição é essencial para melhorar a oleosidade dos cachos, o que garante o brilho, a maciez e ainda atua como proteção. Nesse caso, invista em óleos naturais como óleo de coco. Você também pode fazer a aplicação do próprio óleo ou escolher uma linha de produtos que ele já esteja incluso na fórmula.

A etapa reconstrutora ajuda a restaurar a fibra capilar e fortalecer a estrutura dos fios através da reposição de proteínas, como a queratina. Assim, você pode usar produtos com os ativos arginina, cisteína, queratina, colágeno e aminoácidos que são a melhor opção para essa finalidade.

Com essas dicas, é só cuidar direitinho das suas luzes em cabelo cacheado e ter resultados incríveis para um cabelo deslumbrante e totalmente na moda!

Clique abaixo e receba uma tabela simples e prática para você acompanhar seu cronograma capilar em casa! 

Baixe aqui seuPlanner Capilar

Realce as curvas dos seus cachos sem medo e assuma o tom que você quer

Você pode optar em ter um cabelo lindo e iluminado sem medo de perder os seus cachinhos precisos!

É certo que fazer luzes em cabelo cacheado pode até dar um pouquinho de trabalho, principalmente na hora de cuidar, mas elas podem garantir o movimento e o destaque dos cachos que você deseja. Além de trazer outro brilho para seu rosto e muito mais confiança e autoestima para a época mais badalada do ano, o verão!

Mas, se realmente tomar essa decisão, lembre-se que precisa incluir na sua rotina momentos dedicados ao tratamento dos seus fios. Só assim você conseguirá manter seus cachos fortes, saudáveis e incríveis.

Conheça a nossa linha de hidratação para cacheadas com produtos exclusivos para você manter os fios cada dia mais lindos e saudáveis. Clique aqui e confira!

Conheça os tipos de cachos e dicas especiais para cada um!

Publicado em
tipos_de_cachos

Você já deve ter visto por aí algumas pessoas falando sobre tipos de cachos. Sabemos que cada pessoa tem o seu tipo de cabelo, que é único. Mas, precisamos concordar que existem cabelos parecidos, que por suas características podem ser agrupados numa classificação.

Aqui o objetivo não é rotular, mas sim te ajudar a descobrir a melhor forma de cuidar das suas madeixas. Se liga nas dicas que preparamos para você descobrir o seu tipo de cabelo e abalar! 

O seu cabelo, nem o de ninguém, vai se encaixar perfeitamente com os tipos de cachos. Não se preocupe, até porque não existe o tipo perfeito. Além disso, você pode perceber a presença de duas texturas ou mais, cada parte do seu cabelo pode demonstrar uma característica compatível com um tipo diferente de cabelo e isso é mais comum do que você imagina!

Por isso, tenha em mente que a melhor coisa é encontrar o que funciona para o seu cabelo, amar e cuidar dele. Fique atenta para a definição dos tipos de cachos, oleosidade, frizz, ressecamento, fator encolhimento e volume. Esses fatores são muito importantes para identificar o seu tipo de cabelo e do que ele precisa.

A classificação organiza os tipos de cachos da seguinte forma: 4 são os crespos, 3 os cacheados e 2 os ondulados. Você também vai ver letras como subdivisões em cada um dos números: A indica que a curvatura do cacho é mais aberta e C indica que é mais apertadinho.

Tipo de cachos 4: crespos poderosos!

tipos de cachos_hair_fly_4

Eles são volumosos e sensíveis, são cabelos que precisam de muita hidratação e cuidado. Os cabelos crespos tendem ao aspecto ressecado devido à textura dos fios que não permite que a oleosidade natural produzida pelo couro cabeludo chegue até as pontas.

As crespas devem ter muito cuidado ao pentear o cabelíneo, isso porque, ao contrário do que muitos pensam, seus fios são frágeis e finos. Por isso, é importante desembaraçar-se com o cabelo molhado, da ponta para o couro cabeludo, com ajuda de cremes e usando um pente ou os dedos. Nunca use uma escova!

A estrutura proteica dos fios é protegida pela cutícula, que são escamas formadas por lipídeos, responsável pelo brilho e retenção de água. Como os cabelos crespos possuem poucas dessas escamas na estrutura, acabam sendo mais opacos e quebradiços.

A: O que define esse tipo são os cachos pequenos bem apertadinhos da raiz até as pontas, mas o que diferencia dos outros 4s é que ele possui balanço! Quando esticados esses fios possuem formato em “s”.

Dica: Gata, se jogue na definição dos cachos! Use cremes mais grossinhos, de preferência com óleos naturais na composição ou faça uma misturinha, e aplique com a técnica da fitagem.

A fitagem é bem simples, mas pode levar um tempo. Comece dividindo o cabelo em pelo menos 5 partes, aplique o creme e vá espalhando pelo comprimento da mecha com movimentos repetidos. Em seguida, use os dedos como pente e verá o cabelo se dividir em outras mechas, espalhe o creme individualmente nelas. Depois é só amassar, de baixo pra cima.

Repita o processo com as outras mechas. Nas partes que não ficaram tão definidas quanto você queria, faça o dedoliss, que é só enrolar aquele pedacinho com o dedo. Dê uma balançada na cabeça para que o cabelo vá se soltando e espere secar. Voilà! Fitagem feita, cabelos finalizados com cachos definidos e muito arraso!

 

Cadastre-se eganhe 10% de descontoem sua primeira compra!

 

B: Quando esticamos esses tipos de cachos, vemos que o fio tem formato zigzag. Os fios são bem fininhos e as curvas bem apertadas, ganham volume com facilidade.

Dica: Amore, capricha no volume! Que tal aderir ao pente garfo? Esse item é indispensável para as cacheadas e crespas que amam o volumão. Se liga como usar!

O pente garfo serve para descolar a raiz da cabeça. Isso porque os fios ficam pesados, principalmente com o uso de cremes e o peso acaba “esticando” a raiz. É só ir encaixando o pente e soltando a raiz, colocando ela pra cima. Assim, o cabelo todo vai ganhar volume!

C: Nesse tipo, o fator encolhimento é uma característica forte. Normalmente ele pode encolher até 75% do tamanho real. Esse é crespíssimo e não tem cachos definidos, mas é muito comum que apareçam os cachos bem pequenos do 4B.

Dica: Abale nos cuidados! Siga um cronograma capilar e faça direitinho as etapas de hidratação, nutrição e reconstrução. Substitua o uso de shampoos com sulfatos e petrolatos por uma lavagem menos danosa e que fortaleça seus tipos de cachos

Você pode fazer co-wash (lavagem com condicionador), que é indicada para cabelos ressecados porque o pH auxilia na hidratação dos fios e preserva a cutícula selada. A dica final é não secar o cabelo com toalha depois do banho, pois ela vai absorver a água, é melhor enxugar com uma camiseta macia de algodão e sem esfregar seus cabelos.

Tipo de cachos 3: cacheados maravilhosos!

tipos de cachos_hair_fly_3

A: Esse tipo pode ser caracterizado por cachos em formato espiral, eles são grandes e soltos e se espalham pelo comprimento, mas a raiz ainda é ondulada.

Dica: Não tenha medo do volume! Há um tempo atrás era muito comum fazer de tudo para tirar o volume da cabeleira, mas agora você já sabe que isso é o charme desses tipos de cachos. Aproveite para deixar seus cachos soltos, levantar a raiz e usar ativadores de cachos para que suas molinhas fiquem definidas!

B: São os cachos definidos, as famosas molinhas. É um cabelo volumoso com cachos de tamanho médio, não muito apertados.

Dica: Amore, invista em nutrição, ok? Os cabelos crespos e cacheados recebem pouca oleosidade natural no comprimento devido ao formato desses tipos de cachos. Por isso, quanto mais cacheado, maior a tendência ao ressecamento. É por isso que é tão importante caprichar na nutrição.

Uma dica é fazer umectação noturna, que nada mais é que aplicar um óleo de sua preferência no cabelo antes de ir dormir, enluvando mecha por mecha e massageando o couro cabeludo. Depois enrole o cabelo com um tecido e pode ir dormir. Na manhã seguinte, tome banho com água corrente fria para retirar o excesso, depois lave o cabelo e finalize como está acostumada. Quando o cabelo secar, você verá cachos maravilhosos e nutridos!

C: Esse cabelo é cacheado da raiz até as pontas. Os cachos são pequenos e apertados. Além de ser bem volumoso!

Dica: Capriche no corte, amore! É importante escolher um profissional que você confia e buscar referências. Como o cabelo cacheado demora mais para ganhar comprimento, o que acontece é que um corte mal feito demora muito para ser “concertado”. Alguns cortes não valorizam os cachos, tiram o movimento e acabam resultando num cabelo sem estilo. Então capricha, ok?

Tipos de cachos 2: ondulados charmosos!

tipos de cachos_hair_fly_2

Essa classificação auxilia na percepção da textura dos cabelos ondulados, que muitas vezes são considerados lisos. Os tipos de cachos do cabelo ondulado são percebidos principalmente nas pontas, eles têm curvas em “S” e não são volumosos. São macios porque a oleosidade produzida pelo couro cabeludo consegue se distribuir bem pelo comprimento, mas as pontas costumam ser mais ressecadas.

A: Os fios são quase lisos, mas é possível perceber mechas que dão uma volta nas pontas formando alguns cachos em S bem grandes.

Dica: Tenha cuidado na lavagem, gata! Para evitar o frizz, lave o cabelo com água natural e depois finalize com água fria ou gelada. A água quente dilata as cutículas e por isso facilita o embaraçamento, tira o movimento e resseca por isso deve ser evitada. Já a água gelada vai fechar as cutículas, resultando em mais brilho para os fios. Então nada de lavar o cabelo com água quente, ok?

B: A característica desse tipo é a formação de ondas em todo comprimento, menos na raiz. Percebemos a formação de mechas mais finas com várias ondas ao longo delas.

Dica: Incentive a formação de ondas! Você pode aderir o leave-in para finalizar os fios após a lavagem e depois modele os cachos dando aquela apertadinha nas mechas de baixo para cima e espere secar para ver suas ondas ressaltadas!

C: O tipo C dos ondulados quase forma cachos em espiral completo, mas ainda tem formato de “S”. É um cabelo com mais volume, com fios mais grossos e normalmente apresenta a textura dos tipos de cachos do 3A também.

Dica: Aprenda a definir suas ondas! Vale usar cremes mais grossinhos aplicados com a técnica da fitagem, ou gelatina para dar aquela amassadinha. Depois, aplique umas gotinhas de óleo de forma bem distribuída para quebrar a película durinha do creme ou do gel se você não curtir tanto esse aspecto.

Ainda separamos uma dica extra: um produto com ação super hidratante que funciona em todos os tipos de cacho. É só clicar na imagem abaixo e conferir o vídeo do produto.

 

Invista em produtos de qualidade como aliados para cabelos perfeitos!

Viu só como é importante descobrir o seu tipo de cabelo e quais tipos de cachos mais se parecem com o seu? É legal perceber cada característica e testar produtos e técnicas para melhorar a saúde e a aparência dos fios. Invista em tempo para cuidar de você e aumentar sua auto estima!

Quer conhecer o passo a passo para a sua transição capilar? Então clique no botão abaixo e faça o download do nosso eBook completo. 

cta-ebook-transicao-capilar-hairfly